Overdose de informação – Saiba o que é e como se prevenir

Grande parte dos internautas sofrem esse mau, uns admitem, outros não e a maior parte nem mesmo sabe que isso existe. Leia atentamente este artigo e saiba se você está sofrendo ou não esse grande bloqueio que pode estar retardando seu aprendizado a muito tempo.

O que é overdose de informação

A Overdose de informação é um estado causado quando adquirimos informações demais para que o nosso cérebro processe de modo correto, e nos dias de hoje isso aumentou drasticamente com o fácil acesso a televisão, internet e aplicativos de dispositivos móveis.

Estamos sendo bombardeados a todo o tempo com toneladas de informações, e isso virou uma rotina tão comum para todos nós que muitas vezes não reconhecemos que estamos sofrendo uma overdose de informação.

Uma grande prova disso é visualizar as pessoas de hoje, todas possuem ao seu alcance a informação necessária para seus problemas e dúvidas, mas mesmo assim vivemos em um mundo cada vez mais atrasado e sem moral nenhuma sobre o que está acontecendo em nossa volta, e pelo contrário do que deveria estar acontecendo a maior parte das pessoas vivem desesperadas e sem rumo na vida, vivendo apenas para aproveitar algo que nem mesmo sabem se um dia vão conseguir, e não possuem ideia de como chegar nesse objetivo mesmo absorvendo toneladas e mais toneladas de informações todos os dias.

Os maus causados

O principal sintoma causado pela overdose de informação é a amnésia temporária, isso ocorre muitas vezes em nossa vida cotidiana, você já passou por algum momento em que sabia sobre algo e até mesmo já estudou especificamente sobre tal assunto mas certo dia nem mesmo se lembrava do assunto quando mais precisava? Isso é um dos maus causados pela overdose de informação, conhecida como amnésia temporária.

Além desse sintoma existem diversos outros como percepção de nunca saber o bastante, acreditar que sempre está desatualizado, perca de foco, retardamento em tarefas simples, falta de atitude, falta de controle próprio, pouca produtividade e diversas outras, já que isso depende muito da pessoa que pensa sobre a overdose, isso pode variar dependendo da personalidade da pessoa, por exemplo uma pessoa que possuí uma auto confiança alta, dificilmente ela irá sofrer com falta de atitude ou irá achar que está desatualizada, mas muito facilmente ela poderá sofrer com falta de produtividade e perca de foco, sendo que isso pode mudar totalmente em uma pessoa que tem falta de confiança própria.

Em falar em perca de produtividade, veja uma artigo onde mostramos algumas técnicas ninja para você ter mais produtividade na internet.

Porque isso acontece

Explicando de uma maneira simples, a overdose de informação acontece porque nosso cérebro tenta processar tudo que vemos, ouvimos e sentimos, isso seria todo tipo de informação que podemos absorver, seja essa informação necessária ou não para nós.

Como vivemos em um mundo cada vez mais conectado e temos a percepção desse mesmo mundo exigir que nós devemos saber de tudo, nosso cérebro automaticamente tenta ao máximo absorver todas as informações presentes nos ambientes que costumamos frequentar.

Hoje esses ambientes não se tratam apenas de lugares físicos em que frequentamos, mas sim redes sociais, blogs, e-mails, telefonemas, milhares e milhares de aplicativos que usamos sejam eles em nosso celular, tablet ou computador, televisão, jornais, revistas e muitas outras interações que temos em nosso cotidiano.

Nos tempos antigos grandes estudiosos já tinham essas overdoses por sempre estarem atrás de informações, e mesmo que isso não tenha acabado com as obras deles isso os retardou e muito em seus trabalhos, mas hoje as coisas mudaram muito, temos informações fluindo de todos os lados, e isso é exatamente o que faz diversas pessoas sofrerem esse retardamento em seus aprendizados, trabalhos e conquistas.

Lembre-se de uma coisa:

Não se trata da quantidade de ideias que você tem e sim quantas você tira do papel.

Saiba se diagnosticar

Saber se você sofre ou não esse grande mal não difícil, mas a grande dificuldade é você aceitar e reverter isso.

Analise tudo o que você sabe, e após isso veja o que você realmente entende sobre cada assunto, se você chegar à conclusão de sabe de muitas coisas e ao mesmo tempo não entende bem de nenhuma delas, isso quer dizer que você sofre gravemente com a overdose de informação.

Caso você estude, sempre tenha fome por informação, mas mesmo assim não fazer nada com toda essa informação isso também pode ser considerado uma forma de overdose, pois você sempre está em busca de novos conhecimentos mas nunca os coloca em prática. Conhecimento sem ação é simplesmente inútil, mas não pare de estudar e conhecer, ao invés de parar, utilize seu tempo de maneira correta, reservando um pequeno tempo para estudar e um período maior para colocar esse conhecimento em prática.

Resumindo, se você tem conhecimento mas não lembra deles quando precisa ou não faz nada com esses conhecimentos existem duas probabilidades, ou você está consumindo informação inútil e desnecessária para você ou não está sabendo administrar essas informações corretamente. Se analise e chegue a uma conclusão do que está havendo de errado e comece a reverter o processo, pois aprender é bom, mas fazer é ainda melhor.

Sendo assim estude muito e faça muito mais, só assim seu conhecimento se tornará em algo realmente útil.

Como se prevenir e se “curar”

Para se prevenir comece cortando os vínculos com informações desnecessárias como alguns programas de tv ou até mesmo a própria tv, frequente apenas os sites mais importantes para você e pare de frequentar outros, limite seu tempo em redes sociais, não passe seu número de celular para todos e evite ficar trocando mensagens ou utilizando aplicativos desnecessários, desligue as notificações que recebe (reserve um tempo apenas para você ver isso, tirando assim a necessidade de ficar recebendo as notificações o dia todo), não entre em todos os assuntos que ver pela frente, evite ingerir informações apenas por curiosidade ex: fulano foi para festa x e aconteceu isso (sendo que você nem conhece fulano).

Enfim, evite ao máximo situações em que vão fazer você consumir muitas informações desnecessárias e inúteis para você.

Em relação as informações realmente necessárias, faça um esforço para organiza-las o máximo possível, reserve um pequeno tempo para novos aprendizados todos os dias, reserve e foque em seu trabalho durante o tempo de trabalho, e todos os dias reserve também um tempo para você, um período no qual você relaxa e se diverte, fazendo isso seu cérebro terá um descanso, pois nem mesmo um computador consegue ficar o tempo todo transferindo informações, imagine seu cérebro.

Previna-se, pois assim como um bom computador ainda precisa de manutenção para ser eficaz seu cérebro também precisa descansar para ter um bom funcionamento.

Espero que tenha gostado do artigo e tenha compreendido a sua importância, dê sua opinião nos comentários e repasse essa informação para seus amigos utilizando as redes sociais, é simples e fácil e estará ajudando alguém assim como eu posso ter lhe ajudado a compreender mais sobre este assunto.

Até o próximo artigo!

Categoria: Gestão, Marketing
Post anterior
Usar e-mail marketing – Conheça as melhores vantagens
Próximo post
Abrir um negócio próprio – 5 Coisas que ninguém vai te falar
Menu